28/03/2009

TESTE SEU CONHECIMENTO!

Oi galerinha do Terceirão!

Olha só que bacana esse site: http://www.graudez.com.br/literatura/exerc.htm Aqui vcs podem fazer os exercícios e conferir o resultado e a nota na hora!!!

Vou esperar um comentário de vcs contando sobre o tantão de acertos e o tantim de erros... rsss

Já para aqueles que não estão a fim de fazer o teste de literatura, divirtam-se com esses:
2. O teste psicológico das cores: http://www.bne.com.br/cores/
Beijinhos e divirtam-se!!!

7 comentários:

Lia disse...

Gee...

Dei uma olhada nas questões que vc disse, basicamente estudei por la, ia lendo a apostila e fazendo os exercicios... espero que eles me ajudem amanhã no simulado =D
Foi a primeira vez que entrei no blog...Adoreii..Depois que passar o simulado vou ver mais com calma e comentar em mais postagenss...

Bjss Lia =D

Érica! (3º) disse...

Gee!
Também fiz os exercícios. Mas os que são relacionados ao Realismo e ao naturalismo.

Espero que eu vá bem na sua prova quinta! :S

Beijão!!

Sofista Minimus disse...

G,

Adorei o blog!

Encontrei várias e várias idéias ótimas...

Já aderi!

Forte Abraço,

Sofista Minimus.
www.deseptemartibus.blogspot.com

Sofista Minimus disse...

G,

Obrigado pela visita no meu blog assim como os comentários que foram de muita valia. Eu escrevi algumas considerações sobre ele lá...

Volte lá para reve-los...

Abraço,

Sofista.

Silvana Nunes .'. disse...

Salve !
Navegando pela grande rede sem rumo com a intenção de divulgar o meu blog cheguei até você e gostei do que vi. No momento estou impedida de fazer leituras muito extensas, pois a claridade da telinha está prejudicando um pouco a minha visão, devo tomar um pouco mais de cuidado, mas em breve resolverei esse problema. Bem, já que estou aqui aproveito para convidar a conhecer
FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... em
http://www.silnunesprof.blogspot.com
Eu como professora e pesquisadora acredito num mundo melhor através do exercício da leitura, da reflexão e enquanto eu existir, vou lutar para que os meus ideiais não se percam. Pois o maior bem que podemos deixar para os nossos filhos é o afeto e uma boa educação. Isso faz com que ela acredite na própria capacidade, seja feliz e tenha um preparo melhor para lidar com as dificuldades da vida. Com amor, toda criança será confiante e segura como um rei, não se violentará para agradar os outros e será afinada com o próprio eixo. E se transformará num adulto bem resolvido, porque a lembrança da infância terá deixado nela a dimensão da importância que ela tem.
VAMOS TODOS JUNTOS PELA EDUCAÇÃO, NA LUTA POR UM MUNDO MELHOR !
Se achar a minha proposta coerente, siga-me nessa luta por um mundo melhor. Peço que ao responder deixar sempre o link do blog, pois vez por outra o comentário entra com o link desabilitado ou como anônimo. Por causa disso fico sem ter como responder as pessoas.Os meus comentários também entram via e-mail, pois nem sempre a minha conexão me permite abrir as páginas: moro dentro de um pedacinho da Mata Atlântica, creio que mais alto que as antenas, com isso a minha dificuldade de sinal do 3G. Espero queentenda quando não puder visitá-lo.
Daqui onde estou, os únicos sons que escuto aqui é o dos pássaros, grilos, micos., caipora, saci pererê, a pisadeira, matintapereira ... e outras personagens que vivem pela mata.
Por hoje fico por aqui, já escrevi demais. Espero nos tornarmos bons amigos.
Que a PAZ e o BEM te acompanhem sempre.
Saudações Florestais !
Silvana Nunes.'.

Silvana Nunes .'. disse...

BOM DIA !
Antes de mais nada estou aqui para agradecer a visita e seu comentário tão significativo para mim. Eu ando um pouco ausente, minha conexão anda péssima, lentíssima - perco muito tempo para abrir os blogs, os mais carregados eu até desisto. Como já havia dito, eu moro dentro de um pedacinho da mata Atlãntica e o sinal aqui é muito dificultoso. Além do mais, com toda essa chuva que tem caído tenho mantido o meu computador desligado por conta dos raios, já queimei uma televisão por causa disso, aqui não tem pára-raios ( agora vê, acostumada com cidade grande, achei que no mato poderia existir um pára-raio - só eu mesma). Espero que compreenda as diversas limitações de quem escolheu viver no mato.
A medida do possível vou colocando as histórias, com a lentidão de sempre.
FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... agradece mais uma vez a sua visita esperando que volte sempre.
Que os bons ventos soprem sempre a seu favor.
Saudações Florestais !
http://www.silnunesprof.blogspot.com

Jeferson Cardoso disse...

Parecem boas as dicas. Experimentarei, Geruza. Valeu! Com tempo, honra lá minha casa com sua presença. O endereço é http://jefhcardoso.blogspot.com